Pages

sábado, 1 de maio de 2010

Morte

Eu aprecio a morte.
Acho que até mais do que a vida, eu aprecio muito a morte.
Todos a temem, tem medo, a evitam, seilá, eu gosto que as pessoas sejam submissa a uma certa coisa;elas temem a morte (!)
E as vezes , deixam de fazer certas coisas, por ser perigoso demais,
arriscado de mais, deixam de viver, por medo da morte.

Não acho que tenha que ter medo, para morrer , basta estar vivo.
Pode ser daqui a cinco minutos, ou daqui a 50 anos;
o fato é : mais cedo ou mais tarde, ela virá te buscar *-*
Isso é lindo, porque, temos cuidado para que
isso se retarde, e ficamos submisso á ela, e não se vive.

Ontem, eu fui em um velório, de um garoto de apenas
13 anos.
Não viveu, mas uma coisa nele, me despertou interesse;
era uma coisa que ele falava quando estava vivo.
"- Não posso morrer antes de ganhar minha bateria."

Ele tinha uma doença, que se tratava normalmente com remédios.
Ontem ás cinco da manhã, ele sofreu um ataque cardíaco.
Muito inesperado, mas ele sabia que ia acontecer
e não temia a morte.
Só queria fazer,sentir,vibrar, viver. E viveu.

And if your heart stops beating
I'll be here wondering
Did you get what you deserve?
The ending of your life
And if you get to heaven
I'll be here waiting, babe
Did you get what you deserve?
The end, and if your life won't wait
Then your heart can't take this
Have you heard the news that you're dead?
No one ever had much nice to say
I think they never liked you anyway

3 manifestação (ões):

Isaak Hazzan disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Viviane Vaz disse...

Com certeza, pode acontecer até em casa :/ pobre Gabriel .

reh disse...

textoo bastante interessante.

acho que existe sim vida após a morte.. =)
só morrendo pra saber ..kkk

http://redesenhei.blogspot.com/
passa lá

Postar um comentário